Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2013

Nascimento.

Um homem sábio dizia em plena praça pública que nossas vidas são narrativas. São o que temos que repetir, incessantemente, para demonstrar quem somos. Alguém repete a mesma história: no dia que eu nasci, alguém me disse que fechei os olhos profundamente, as enfermeiras não entenderam porque a criança não abria os olhos, não conseguia ainda articular suas palavras para tamanha incompreensão, choro devagar e lento, sanado pelas mãos cuidadosas de enfermeiras. A criança demorou horas para, finalmente, abrir os olhos. Seus cílios se movendo devagar contra a luz inconcebível daquele berçário, suas primeiras palavras de ajuda frente ao mundo incompreensivo. Se ao menos, fosse capaz de articular uma narrativa naquele momento. Talvez pudesse ter se explicado antes que fosse tarde demais. Os homens contam sua vida a partir das palavras colocadas em uma bela seqüência lógica. Ordenam seus posicionamentos como um mapa de geografia. Um louco foi encontrado em plena Paris construindo marcas em tod…

Dedicação sincera.

Corre você. Eu tenho direito de escrever uma página sobre você. Contar sobre os seus detalhes. Lembro bem como começamos a nos falar. A falta de identificação completa com a realidade. Seu sorriso torto. O jeito desajeitado de vir falar comigo. Aparecer onde eu não esperava. Vir escutar meus problemas. Entendo, completamente, a necessidade de se abrir. Mal eu sabia que poderia ser qualquer outro. O entendimento de um tolo que viu uma abertura como uma salvação; um homem que frente a um abismo de sensações, escolhe agarrar sua mão. Delicadamente, dizer que preciso de alguém por aqui. Escutar os ecos de uma guitarra sem som, suas palavras ecoando pelos silêncios do meu quarto. Lentamente, eu digo que sinto sua falta. As partes se recompondo em um todo desmembrado de ilusões. Contam-me uma história. Um homem anda até seu destino final. O percurso começa a lhe matar, seus pedaços são retirados aos poucos, a cada porta é obrigado a dizer qual é seu nome. No entanto, ele já não sabe quem é. …